Circuito Enogastronômico Brasil na Boccati no dia 27 de outubro

Foto: Everson Almeida, divulgação

Vem mais um Circuito Enogastronômico da Boccati aí! Esse evento que é uma delícia (eu amo mesmo!) terá como tema o Brasil e tem data marcada para 27 de outubro, uma sexta-feira. Serão oito mesas com mais de 70 rótulos de vinhos e espumantes brasileiros, além de comidinhas nacionais e apresentações musicais de ritmos daqui. Para quem não conhece, a Boccati é uma loja de vinhos maravilhosa e enorme, que periodicamente faz eventos como o Circuito.

Serão 21 vinícolas apresentando seus produtos. Os rótulos serão harmonizados com pratos típicos preparados pela Escola de Gastronomia Sal a Gosto, pães da Pane e Salute e do restaurante Osaka Culinária Japonesa. Para sobremesa, doces típicos preparados pela chef Ana Ditadi, café Bom Jesus e sorvetes da Sorvelândia.

Das 20h à meia-noite, o público poderá conferir apreciar apresentações artísticas: samba com Dan Ferretti e Espaço de Dança André Ribeiro, MPB com Sandro Stecanela e música sertaneja com Cris Bianco. Vai rolar também quick massage e drinks com Tropical Bartenders. Haverá estacionamento com segurança e manobrista além de uma parceria com frota de táxi.

Os ingressos custam R$ 150 para provar à vontade os vinhos e as comidinhas. Vale demais a pena! O pessoal da Boccati sempre se puxa nesses eventos para oferecer produtos diferentes. Quem vai uma vez sempre quer ir em todas!

 

O que: Circuito Enogastronômico Brasil.
Quando: 27 de outubro, sexta-feira, das 20h à meia-noite.
Onde: Boccati (Rua Antônio Ribeiro Mendes, 2043, bairro Santa Catarina, Caxias do Sul, RS).
Quanto: R$ 150. Os Ingressos podem ser adquiridos na loja física ou virtual – www.boccati.com.br

Informações: 3224.9900 ou boccati@boccati.com.br.

 

 

Cardápio:

Mesas Frias 

– Frios variados

Sal a Gosto

– Sanduíche de mortadela;

– Mix Nuts;

– Patês artesanais.

Pane e Salute

– Pães Artesanais

RAR

– Queijo Gran Formaggio

Osaka Culinária Japonesa

– Ceviche de Salmão;

– Sashimi de Salmão, Atum e Peixe Prego;

– Sushi de Salmão, Jou Salmão e Jou Thizio;

– Uramaki de Salmão e Skin;

– Hossomaki de Salmão.

Finger Food 

Sal a Gosto:

– Aipim frito;

– Bolinhos de bacalhau;

– Linguiça campeira acebolada.

Pratos Quentes

Sal a Gosto:

– Arroz carreteiro;

– Farofa caseira;

– Feijoada gourmet.

Mesa de Doces 

Chef Ana Paula Ditadi

– Cocadinha Cremosa

– Brigadeiro de Chocolate 70%

– Brigadeiro de Açaí com Granola

– Mousse de Paçoquinha

– Tartelette de Cappuccino

 

Vinhos:

Mesa 1 – (Região Garibaldi)

Garibaldi Pinot Noir Brut Rosé

Garibaldi Prosecco

Garibladi VG Extra Brut

Peterlongo Presence Brut Rose 750ML

Peterlongo Armando Memoria Merlot

Chandon Brut Reserva 750ML

Chandon Passion Rose 750ML

Chandon Excellence Cuvee Prestige 750ML

Peterlongo Elegance Champagne Brut

Mesa 2 – (Pinto Bandeira/Antônio Prado/Campos de Cima da Serra)

Valmarino Brut Prosecco

Zanella Espumante Nature

Fazenda Santa Rita Merlot Rose

Fazenda Santa Rita Sauvignon Blanc

Don Giovanni Stravaganzza Brut

Fazenda Santa Rita Pinot Noir

Zanella Chardonnay 750ML

Zanella Percentual

Don Giovanni Nature

Valmarino e Churchill Brut Champenoise

Don Giovanni Brut Ouro

Valmarino Cabernet Franc 750ML

Valmarino Reserva da Familia TTO

 

Mesa 3 – (Campos de Cima da Serra)

RAR Collezione Sauvignon Blanc 750ML

RAR Cuvee Nilva Brut Rose

RAR Collezione Pinot Noir

RAR Reserva de Família Cab. Sauvignon/Merlot

 

Mesa 4 – (Vale dos Vinhedos)

Vallontano Chardonnay

Pizzato Chardonnay

Pizzato Reserva Merlot

Terragnolo Reserva Marselan

Pizzato Brut Rose

Terragnolo Reserva Merlot 750ML

Vallontano LH Zanini Espumante Extra Brut

Pizzato Fausto Verve Gran Res Cab Sauv Merlot Tannat

Era dos Ventos Trebbiano on The Rock 750ML

Vallontano Oriundi

Terragnolo Marselan Boulder

 

Mesa 5 – (Vale dos Vinhedos)

Aurora Reserva Merlot Rosé

Aurora Pinto Bandeira Pinot Noir 750ML

Aurora Millesime Cabernet Sauvignon

Miolo Brut Milessime

Miolo Cuvee Giuseppe Chardonnay

Miolo Merlot Terroir

Miolo Lote 43 Merlot Cabernet

 

Mesa 6 – (Vale dos Vinhedos/ Garibaldi/ Faria Lemos)

Ponto Nero Brut Rosé

Dal Pizzol Gamay Beaujolais

Casa Valduga Identidade Gewurztraminer

Dal Pizzol Touriga Nacional 200 anos

Dal Pizzol Pinot Noir

Casa Valduga Sur Lie Nature 30 Meses

Ponto Nero Brut Blanc de Blancs 750ML

Casa Valduga Gran Reserva Villa Lobos

Casa Valduga Storia Merlot Gran Reserva 2011

 

Mesa 7 – (Flores da Cunha)

Familia Bebber Sentiero Reserva Cabernet Franc

Familia Bebber Sentiero Reserva Tannat

Familia Bebber Vero Brut Rosé

Luiz Argenta Jovem Gewurztraminer

Luiz Argenta Jovem Shiraz 750ML

Luiz Argenta Cave Corte

 

Mesa 8 – (Casca/ Farroupilha/ Alto Feliz)

Don Guerino Brut Rosé

Don Guerino Torrontes Vintage

Don Abel Chardonnay

Casa Perini Cabernet Sauvignon Fracao Unica

Casa Perini Champenoise 750ML

Don Guerino Malbec Vintage

Don Abel Premium Merlot

Don Abel Rota 324 Cabernet Sauvignon

Casa Perini Quatro

Don Guerino Gran Reserva Tracos Top Blend

 

Mesa 9 (Garibaldi/ Campos de Cima da Serra/ Vale dos Vinhedos/ Vale do Rio São Francisco/ Flores da Cunha/ Farroupilha/ Alto Feliz)

Peterlongo Moscatel

Aurora Moscatel

Terranova Moscatel

Casa Perini Aquarela Moscatel Rosé

Ponto Nero Celebration Moscatel

Luiz Argenta Moscatel

Don Guerino Prosecco

Ponto Nero Moscatel

RAR Reserva Brut

 

Anúncios

Festival do Moscatel, em Farroupilha (RS)

Ilha das vinícolas fica ao centro. Foto: Kelly Pelisser

Estive no Festival do Moscatel, de Farroupilha (RS), no domingo passado. A festa começou na sexta e seguiu no sábado e domingo no Centro de Eventos Mario Bianchi, no Parque Cinquentenário, o mesmo onde ocorria a Fenakiwi. E para quem quiser ainda aproveitar tem de novo nessa sexta, dia 8, no sábado, dia 9, e no sábado da semana que vem, dia 16. Mas, para esse sábado, dia 9, não há mais ingressos disponíveis. Esse domingo em que eu fui era o único dia em que o festival rola ao meio-dia. Nos demais, é sempre à noite, das 19h às 23h. A função é a seguinte: o pessoal fica acomodado em mesas redondas e pode se servir à vontade de comida, bebidas e sobremesas. Embora o nome destaque o moscatel, produto símbolo de Farroupilha (o maior produtor nacional dessa variedade de uvas), no evento também são servidos espumante brut, vinhos e sucos de uva, além de água (claro, né). São cerca de 40 rótulos de oito vinícolas de Farroupilha: Adega Chesini, Cave Antiga Vitivinícola, Cooperativa Vinícola São João, Monte Paschoal, Vinhos Cappelletti, Vinícola Colombo, Vinícola Tonini e Vinícola Perini.

Buffet de pratos principais. Foto: Kelly Pelisser

Risoto de moscatel rosé é um dos pratos. Foto: Kelly Pelisser

Saladas estão disponíveis em todas as ilhas. Foto: Kelly Pelisser

As bebidas ficam em uma ilha ao centro do salão. Em uma das laterais, estão três ilhas de comida, com pratos diferentes em cada uma delas, mas sempre tem uma carne e um risoto ou massa, arroz selvagem e batata sauté, além de saladas. Um dos pratos é um risoto com espumante rosé e morangos. Há também uma mesa com entradinhas, como queijo e salame. Além de duas mesas com sobremesas (os mesmos itens nas duas, com bolo, pavê e mousses).

Meu prato (pra começar. Ahaha). Foto: Kelly Pelisser

O evento é realizado pela Associação Farroupilhense de Produtores de Vinhos, Espumantes, Sucos e Derivados (Afavin) em parceria com a prefeitura. No sábado, diz que o evento tem uma cara de jantar dançante. Há música ao vivo em todos os dias, com Robson Gervasoni e banda, que tocam sucessos atuais e antigos de ritmos variados.

Olá, sobremesas. Foto: Kelly Pelisser

Os ingressos estão disponíveis na Secretaria de Turismo e Cultura de Farroupilha ou pelo e-mail contato@vinhosdefarroupilha.com.br.  Também é possível comprar pelo site Sympla (https://www.sympla.com.br/festival-do-moscatel__171843). Para a sexta, o ingresso individual do 2º lote têm valor de R$ 115; para o sábado, dia 16/09,  o  ingresso individual do 2º lote tem o valor de R$ 130. Para menores de idade, os valores são:  R$ 85  (12 a 17 anos) e R$ 55 (7 a 11 anos). Crianças até seis anos têm entrada franca. O estacionamento no Centro de Eventos Mario Bianchi é gratuito. O Festival do Moscatel também oferece transporte cortesia  de ida e volta dos hotéis ao local do evento para os visitantes hospedados nos hotéis Adoro, Bem-te-vi, Concatto, Di Capri, Farina Park e Nova Vicenza, basta fazer o agendamento no Check in.

Essa sobremesa merece um close. Foto: Kelly Pelisser

cardápio da edição, elaborado por equipe Dirceu Dalla Riva, assessorado  pela chef Janete Canello, é composto por: Aperitivos: Queijo, Salame, Copa, Peito de peru e Pães. Saladas: Mix de folhas verdes,  Radicci com bacon, Agrião com cubos de maça, morango e manga, Rúcula com tomate cereja, Endívia com kiwi e pimenta biquinho, Salpicão de legumes com frango desfiado, presunto, queijo e maionese.  Pratos Principais: Medalhão de filé com alho poró e vinho branco, Costela suína ao molho barbecue, Filé de frango recheado com presunto parma, queijo gorgonzola ao molho bechamel com requeijão e cheddar. Acompanhamentos: Arroz selvagem com nozes e castanhas, Risoto de Morangos com Espumante, Batata souté com ervas finas, Espaguete  com molho de funghi, Mini penne al pesto. Sobremesas: Mousses de chocolate, maracujá,  morango e limão, Taças de chantilly com mereguinhos e morangos com calda de moscatel, Taças de sorvete com calda de frutas vermelhas ao vinho tinto, Taças de ganache com bombons picados, Torta mousse de chocolate.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (54) 3261.6963 e e-mail turismo@farroupilha.rs.gov.br. Ou no Facebook:  facebook.com/festivaldomoscatel e curtir a página.

 

Degustação comentada dos melhores vinhos de Caxias do Sul

Amostras do Concurso de Melhores Vinhos de Caxias do Sul serão degustadas no dia 14 de setembro. Foto: Janaína Silva, divulgação

Você conhece os vinhos de Caxias do Sul? Taí uma baita oportunidade de aprender mais sobre a produção vitivinícola da cidade: no dia 14 de setembro, uma quinta-feira, ocorre o evento Degustação Comentada, às 19h30min, no Restaurante Tulipa, nos Pavilhões da Festa da Uva. Especialistas em vinhos vão apresentar ao público 14 amostras que estão entre as mais bem pontuadas no 20º Concurso dos Melhores Vinhos e Sucos de Uva de Caxias do Sul.
São duas amostras de cada categoria: tinto de mesa, branco de mesa, rosado de mesa, branco vinífera, tinto vinífera, tinto vinífera engarrafado e suco de uva. Funciona assim: os especialistas ficam no palco principal orientando a degustação, e os participantes recebem uma taça personalizada para provar o mesmo vinho.
Eu participei do jantar da entrega dos prêmios do 20º Concurso dos Melhores Vinhos e Sucos de Uva de Caxias do Sul, no dia 9 de agosto. A organização do evento é da Secretaria Municipal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento em parceria com a Rede de Vinícolas de Caxias do Sul (Revinsul). Foi muito bacana, porque todas são vinícolas pequenas, familiares. Então, vários dos produtores subiram com os filhos no palco. Dava para ver o orgulho de toda a família pela conquista. Nesta edição, 36 vinícolas participaram, totalizando 193 amostras de vinhos e sucos, que foram avaliadas por uma equipe formada por 20 enólogos, enófilos, agrônomos especialistas em vinhos e representantes de laboratórios especializados. Cada amostra recebeu uma nota e os melhores em cada categoria foram premiados com os troféus ouro, prata e bronze. A premiação contemplou no máximo 30% das amostras inscritas, de acordo com o regulamento. Nesta edição, nenhuma cantina agraciada com o troféu ficou na categoria bronze porque todas as pontuações foram acima de 85.
Ficou curioso para conhecer mais dessas pequenas vinícolas? Algumas até vendem produtos em mercados, mas a maioria, você só consegue comprar direto com os produtores. O ingresso para o eventode degustação do dia 14 de setembro dá direito a participar da degustação e de um coquetel (com água, sucos e vinhos à vontade). O valor é de R$ 80. O ingresso pode ser retirado na Secretaria Municipal da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Mais informações pelos telefones: (54) 3290.3816 ou (54) 3290.3800.
Vencedores 2017 XX Concurso dos Melhores Vinhos e Sucos de Uva de Caxias do Sul
MELHORES PONTUADOS
VINHOS DE UVA VINÍFERA
branco vinífera Moscatto Giallo, da Vinícola Grutinha
VINHOS DE MESA
vinho bordô da vinícola Sadi Sartori & Filhos
SUCO DE UVA
bordô da vinícola Don Giácomo
VINHO BRANCO DE MESA
OURO
Vinícola São Luiz
Casa Onzi Indústria Vinícola Ltda
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
Lizot Indústria de Vinhos Ltda
Vinícola Casa Motter Ltda
Sadi Sartori & Filhos Ltda
Vinhos Don Severino Ltda
Vinícola Michelon Ltda
PRATA
Lovatel Indústria Vinícola Ltda
Vinhos Don Giusepp Ltda
Vinhos Don Affonso Ltda
Vinícola Grutinha Ltda
Indústria e Comércio de Vinhos Rossato
VINHO ROSADO DE MESA
OURO
Vinícola Zanrosso Ltda
Vinhos Don Giusepp Ltda
PRATA
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
Vinícola Casa Motter Ltda
Vinícola Pagliosa Ltda
VINHO TINTO DE MESA
OURO
Sadi Sartori & Filhos Ltda
Cantina Finn Ltda
Lovatel Indústria Vinícola Ltda
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
Vinícola Pagliosa Ltda
Vinhos Don Severino Ltda
Vinícola Grutinha Ltda
Vinhos Don Giusepp Ltda
Vinícola Casa Motter Ltda
Indústria e Comércio de Vinhos Rossato
PRATA
Vinícola Lorandi
Alcides Cláudio Bristot & Outros
Vinhos Libardi
VINHO BRANCO VINÍFERA
OURO
Vinícola Grutinha Ltda
Vinícola Don Affonso Ltda
Vinhos Don Giusepp Ltda
Casa Onzi Indústria Vinícola Ltda
PRATA
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
VINHO TINTO VINÍFERA
OURO
Casa Onzi Indústria Vinícola Ltda
Vinícola Grutinha Ltda
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
Vinícola Casa Motter Ltda
Irmãos Motter e Cia Ltda
PRATA
Vinhos Don Giusepp Ltda
Cantina Tonet
VINHO TINTO VINÍFERA ENGARRAFADO
OURO
Vinícola Grutinha Ltda
Ernesto Zanrosso Indústria de Vinhos Ltda
Vinhos Cristalle
Casa Onzi Indústria Vinícola Ltda
PRATA
Vinícola Casa Motter Ltda
Cooperativa Vinícola Forqueta Ltda
Vinícola Don Affonso Ltda
SUCO DE UVA
OURO
Vinhos e Sucos Don Giácomo
Vinícola Don Affonso Ltda
Santini Indústria Vinícola
Vinícola Tizatto
Vinícola São Luiz
Vinhos Don Giusepp Ltda
Irmãos Motter e Cia Ltda
Vinhos Libardi
Tonela Indústria e Comércio de Sucos

Bate-papo Harmonizado na Tapiocaria Caxias, em Caxias do Sul (RS)

Os vinhos da noite do jantar Vinhos do Mundo. Foto: Kelly Pelisser

Eu já fiz posts sobre a Tapiocaria Caxias, uma casa que oferece, no jantar, de terça a domingo, dezenas de sabores de tapiocas, doces e salgadas, em Caxias do Sul (RS). Mas, nesse mês de julho, eu fui conhecer um projeto super bacana deles chamado Bate-papo Harmonizado. A função rola uma vez por mês e reúne vinhos harmonizados com pratos (que não são tapiocas). Os encontros sempre são temáticos, então, os vinhos e os pratos giram em torno daquele mote. O de julho era Vinhos do Mundo, ou seja, tanto a bebida quanto a comida eram de diversas partes do globo. Já adianto: o próximo será no dia 17 de agosto, uma quinta-feira, às 19h30min, e terá como tema vinhos portugueses e espanhóis, e comidinhas como tapas e bacalhau. O preço é R$ 85 por pessoa. São servidos cinco vinhos e cinco pratos, que vem acompanhados de uma explicação do proprietário da casa, que é chef e sommelier, Daniel Corrêa dos Santos. A cozinha é pilotada pela mulher dele, Caroline Gemelli de Freitas.

Burrito califórnia. Foto: Kelly Pelisser

Salmão Litorâneo. Foto: Kelly Pelisser

O Bate-Papo que eu participei foi o 17º promovido pela Tapiocaria. Nos primeiros, foram servidas tapiocas, mas, depois, a ideia foi ampliar as percepções e possibilidades com outros pratos, que nem sempre são encontrados com facilidade em restaurantes de Caxias. A conversa de apresentação de cada vinho e prato é breve, apenas para trazer explicações sobre o que os clientes irão comer e beber, mas sem ser técnica ou maçante. A intenção é introduzir novos conceitos para quem gosta de vinhos e provocar novas experiências. O evento ocorre no andar superior da casa, que é reservado a isso. No andar inferior, o restaurante atende normalmente com o cardápio de tapiocas.

Sasatie, cordeiro marinado na bergamota. Foto: Kelly Pelisser

Costelinha barbecue. Foto: Kelly Pelisser

Bom, como eu falei, no dia que eu participei o tema eram Vinhos do Mundo. Então, a entrada era com um vinho dos Estados Unidos, Woodbrigde White Zinfandel, acompanhado de um burrito Califórnia. Um vinho rosé bem diferente, super interessante, levinho e com um claro aroma de morangos. Em seguida, para acompanhar um salmão Litorâneo e risoto, um vinho do Chile: Paine Carmenere. Na sequência, o vinho da África do Sul, Natana Syrah, vinha junto com um Sasatie, um espetinho de cordeiro marinado por dois dias na bergamota (muito legal). Então, veio uma costelinha barbecue ao lado de um vinho da Austrália, Jacob´s Creek Classic Shiraz. Por fim, a sobremesa, toda linda, um grand gateau de gelato, com espumante Riccadonna Allegra Semi Secco. É possível se servir de água e provar novamente os vinhos ou algum prato, se o cliente quiser.

Grand gateau de gelato. Foto: Kelly Pelisser

A Tapiocaria tem a ideia de promover uma segunda edição por mês do evento, com vinhos mais leves, jovens, para quem está entrando nesse mundo ainda. Mas, de modo algum, é preciso ter um grande conhecimento em vinhos para participar da edição já tradicional. A experiência é bem interessante, para conhecer coisas novas, e o bate-papo rola solto nas mesas também. Muito bacana a iniciativa.

Os vinhos portugueses e espanhóis da próxima edição do Bate Papo Harmonizado. Foto: Kelly Pelisser

 

Tapiocaria Caxias

Onde fica: Rua Ambrósio Colombo, 214, bairro Rio Branco, Caxias do Sul, RS

Horários: de terça a quinta, das 18h às 22h, nas sextas e sábados, das 18h às 23h, e nos domingos, das 17h às 20h.

Mais: Facebook

 

Don Claudino Enogastronomia & Eventos, em Caxias do Sul, RS

Polenta com ragu de couvert. Foto: Kelly Pelisser

Muita gente conhece a Don Claudino, em Caxias do Sul, pelos espaços maravilhosos para eventos (o mais novo deles tem uma pitangueira no meio da sala – lindo!). Mas o restaurante também atende ao público nas sextas e sábados pela noite. A casa trabalha com um conceito de slow food, de utilizar os alimentos de cada estação para que a comida seja mais genuína, tenha gosto de verdade. Eles estão oferecendo agora menus temáticos por estação. Os pratos são elaborados com alimentos e temperos específicos da época do ano, cultivados na própria horta do restaurante. A casa tem uma história encantadora, aliás, que começou com a Granja Piccoli, do avô da família, que possuía uma vinícola que depois foi convertida para o ramo da gastronomia.

Creme de batata com bacon. Foto: Kelly Pelisser

Salada de folha e timballo de cenoura. Foto: Kelly Pelisser

Eu fui conhecer a estreia do cardápio de inverno. O menu é mais ou menos fixo. Mas algumas coisas mudam a cada semana. E quem for vegetariano pode pedir para retirarem as carnes dos preparos, já que os pratos são individuais. A carta de vinhos é bem bacana, com desde opções mais simples – vinhos da casa que custam entre R$ 35 e R$ 42 – até rótulos importados. Eu pedi um Chardonnay Don Claudino (que é bem leve e fresco, porque estava com vontade de algo assim naquela noite). O clima do restaurante é intimista, luz mais baixa e uma lareira no canto (aliás, dá para pedir para reservar seu lugar ali perto, nos dias mais frios, se ainda tiver disponibilidade).

Risoto de pimentões defumados e gorgonzola e filé de frango ao molho de laranja e cúrcuma. Foto: Kelly Pelisser

Gnocchi de batata doce ao creme de queijos fundidos com escalopes de filé ao molho de vinho merlot. Foto: Kelly Pelisser

O menu do inverno começa com uma polentinha com ragu servida numa tigelinha super querida. Na sequência, vem uma entradinha quente, que pode ser uma sopa ou creme e varia conforme o dia. A que eu provei era de batata com bacon. A salada é uma seleção de folhas de inverno com timballo de cenoura, uma graça! O primeiro prato é um gnocchi de batata doce ao creme de queijos fundidos, acompanhados por filé de frango ao molho de laranja e cúrcuma e o segundo prato é um risoto de pimentões defumados e gorgonzola acompanhado por escalopes de filé ao molho de vinho merlot. Como eu fui no primeiro dia do menu, o pessoal da cozinha trocou as carnes do primeiro e segundo prato, já que ainda estavam se adaptando. Mas não tem problema. Tudo estava bem gostoso. Adorei o gnocchi e achei muito gostoso o molho de laranja junto ao frango. A sobremesa pode ser escolhida entre um crepe de beijinho com paçoca, um crepe suzette e ou a seleção de semifredos da casa. Eu optei pelo primeiro, o crepe de beijinho com paçoca, acompanhado de uma bola de sorvete: é divino (eu amo paçoca e o beijinho estava uma delícia)! Sabe quanto custa tudo isso? O preço do jantar é de R$ 79 por pessoa. Quem for vegetariano, tem a mesma sequência, porém sem carnes, por R$ 53. Já as crianças de seis a 10 anos pagam R$ 40. Eu achei super em conta por tudo o que é oferecido! E a comida te abraça, sabe? Conforta, tem gosto de comida de casa, tem textura. Mesmo tendo uma sequência de pratos, você não sai pesado. Muito pelo contrário. Sai levinho e feliz. Ah, se quiser, pode repetir qualquer um dos pratos. Delicinha! Vale demais a pena pelo custo-benefício e pela alegria proporcionada!

Crepe de beijinho com paçoca. Foto: Kelly Pelisser

 

Don Claudino Enogastronomia & Eventos

Onde fica: Rua Padre Alberto Luiz Lamonatto, 1127, bairro Nossa Senhora da Saúde, próximo aos Pavilhões da Festa da Uva, Caxias do Sul, RS

Horários: sextas-feiras e sábados, a partir das 19h30min. É bom reservar antes: (54) 3211.9899 ou (54) 3028.9066.

Mais: site e Facebook

 

 

Circuito Enogastronômico da Boccati com o tema Europa em julho

circuito enogastronomico boccati

Ccircuito enogastronômico da Boccati. Foto: Igor Farias Coelho, divulgação

Para quem gosta de vinhos, esse é o evento mais bacana da Serra Gaúcha: o Circuito Enogastronômico da Boccati, que agora em julho terá como tema Europa. O evento será no dia 14 de julho, uma sexta-feira, entre 19h30min e 23h30min na loja da Boccati. Além de degustar vinhos europeus, os participantes vão poder provar itens da gastronomia de países do Velho Mundo e conferir atrações típicas. Vai ter pastel de belém, brigadeiro brulée, torta de maçã, brigadeiro de colher de chocolate belga, jamón, linguiça bock… Ai, ai! Vale demais a pena!  Ah, e dica: os ingressos sempre esgotam logo, porque o evento é realmente top, então, corre lá na Boccati ou entra no site deles para comprar. Abaixo, a listinha completa das atrações.

◾ Degustação de Vinhos 🍷

▪ Mais de 60 rótulos, entre eles:
– Primitivo Papale D.O.P;
– Barolo Pietro Rinaldi D.O.C.G;
– Brancaia Tre Rosso Toscana;
– Tarima Monastrell Orgânico;
– Terra Serena Prosecco D.O.C.

◾ Culinária Típica 🍝

▪ Receptivo
por Sal a Gosto:
– Creme de cebola tradicional (França).

▪ Mesas Frias 🧀
por Sal a Gosto:
– Caponata siciliana (Itália);
– Sardela (Itália).

por Il Rifúgio del Gourmet:
– Porchetta romana (Itália);
– Queijos artesanais (Europa).

por Charlie Bakery:
– Baguete tradicional (França);
– Cibatta de azeitonas (Itália);
– Focaccia genovese (Itália);
– Grissini tradicional (Itália);
– Pão de figo com brie (França);
– Pão português (Portugal).

– Frios variados;
– Jamón Serrano.

▪ Finger Food 🍖
por Sal a Gosto:
– Linguiça bock com mostarda forte (Alemanha);
– Devil´s on horseback (Inglaterra).

por Di Paolo:
– Galeto ao primo canto (Itália);
– Polenta frita (Itália).

▪ Pratos Quentes 🍤
por Sal a Gosto:
– Paella marinera tradicional (Espanha);

por Di Paolo:
– Nhoque ao molho tradicional (Itália);
– Ravioli ao molho de manteiga e sálvia (Itália).

▪ Mesa de Doces 🍫
por Ana Paula Ditadi:
– Brigadeiro Brulée (França);
– Panna Cotta (Itália);
– Pastel de Belém (Portugal);
– Tortinha de Maçã (Alemanha);
– Brigadeiro Belga de Colher (Bélgica);
– Torrone (Espanha).

◾ Atrações Especiais 💃🎼
– Show de jazz com Bibi Jazz Band;
– Show de música espanhola com Kiko Ferrer;
– Show de Flamenco com La Serrana;
– Quick Massage
Entre outras!

◾ Lounge Temáticos

Estacionamento com segurança e manobrista.
Parceria com frota de táxi.

 

Cicurito Enogastronômico Boccati Europa

Quando: 14 de julho, sexta-feira, das 19h30min às 23h30min.
Ingressos: femininos a R$ 200 e masculinos a R$ 240.
Podem ser comprados na loja física ou virtual: https://goo.gl/w5cZh8
Mais informações: (54) 3224.9900 ou pelo e-mail eventos@boccati.com.br

Onde fica: Boccati Vinhos, Rua Antônio Ribeiro Mendes, 2043, Caxias do Sul, RS

Vinícola Simonetto, Veranópolis, RS

Foto: Vinícola Simonetto, divulgação

A Vinícola Simonetto, de Veranópolis (RS), é um daqueles lugares que merece ser visitado, principalmente se você gosta de vinhos e quer conhecer outros roteiros, além dos já tradicionais. A família se preparou para bem receber os turistas. Ao entrar na vinícola, a primeira parte é o varejo, onde são vendidas as bebidas e geleias produzidas pela família, mas também há outros itens, como sabres e acessórios para vinho, cremes para o corpo e mãos, e aromatizantes para a casa. A Simonetto produz vinhos finos e de mesa, espumantes moscatel, brut (pelo método charmat e pelo tradicional), sucos de uva e de maçã e geleia de maçã, figo e pimenta. Entre os vinhos, destaco o Tannat deles, que é maravilhoso, e um vinho que é exportado para o Japão. A bebida que vai para o continente asiático tem o rótulo todo em japonês e é feita de uva Isabel, embora não pareça, já que é um rosé bem levinho. Os japoneses descobriram a vinícola depois de pesquisas de universidades que avaliaram por que Veranópolis tem uma expectativa de vida mais elevada que a média brasileira (e uma das explicações é o consumo moderado de vinho).

A visita, que inclui degustação de produtos, custa R$ 10 por pessoa. Grupos devem ser agendados. Na vinícola, é possível aprender a fazer sabrage, a técnica, que dizem que foi inventada por Napoleão Bonaparte, de degolar a garrafa com um sabre. Eu aprendi lá a fazer, ainda na época da última Femaçã, e fiz de novo na última visita. Eu acho bem tranquilo. Depois, aprimorei a técnica e faço a degola da garrafa também utilizando a base de uma taça de vidro. Serve para impressionar as pessoas. Ahaha. Fazendo direitinho, não tem perigo e o bico da garrafa sai inteiro, não tem risco de cair vidro dentro. Depois, na vinícola, eles te dão esse gargalo degolado dentro de uma caixinha com plástico na parte superior, para você levar de lembrança com a inscrição “Sabrage da Longevidade”.

O atendimento na vinícola é super especial, feito pela própria família, o que dá uma caráter bem mais aconchegante à visita. É uma experiência que vale a pena.

 

Vinícola Simonetto

Onde: à 2km da BR 470, Km 184, nº 1730, Monte Bérico, Veranópolis, RS

Horários: visitação, degustação e varejo, de terça a sexta-feira, das 13h30min às 18h; sábados, domingos e feriados, das 9 às 11h30min e das 13h30min às 18h.

Mais: site e Facebook